O que são Estufas de Pré-Gelatinização?

 

Utilizadas na necessidade de aumento de velocidade e otimização de espaços na produção, as estufas de pré-gelatinização são constituídas por dois ou três módulos de queimadores Infravermelhos Catalíticos,  sendo posicionadas diretamente na entrada de uma estufa convencional do tipo convectiva.

VANTAGENS OBTIDAS NO PROCESSO DE CURA
  • A estufa convectiva com temperaturas menores;
  • Aumento da velocidade da linha;
  • Aumento na capacidade e produtividade da linha;
  • Possível redução no comprimento da linha;
  • Redução de contaminação transversal.

Opção 1 – Manter a velocidade e reduzir o comprimento:

  • As peças requerem apenas 21min.(33 min -12 min. = 21 min);
  • O comprimento da estufa convectiva é reduzido p/ 19,20 m (21 min. x 0,91 m/min);
  • O comprimento total (pré-gel + convecção) reduz para 3,65 m + 19,20 m = 22,85 m, ou seja, 7 m (24%) de redução.

Opção 2 – Aumentar a velocidade e manter o comprimento:

  • O comprimento total continua de 29,3 m, entretanto, os primeiros 3,65 m serão ocupados pela estufa de pré-gelatinização;
  • Usando a regra 3:1, o equivalente aumento no comprimento será de 36,6 m;
  • Como ainda se requer um tempo de cura de 33 min., a velocidade da linha aumenta para 36,6 m/33 min. = 1,1 m/min., ou seja, incremento de cerca de 20% na velocidade.

Opção 3 – Apenas aumentar a velocidade, adicionando a estufa de pré-gelatinização:

Se houver espaço na entrada da estufa convectiva, uma estufa de pré-gelatinização pode ser adicionada.

  • O comprimento aumenta para 40 m (11 m + 29 m);
  • Como o tempo de cura é de 33 min., a velocidade da linha aumenta para 40 m/33 min. = 1,21 m/min., ou seja, incremento de cerca de 33% na velocidade.

  • Comprimento total  = 29,3 m;
  • Velocidade da linha = 0,9 m/min;
  • Tempo de cura disponível = 33 min.;

Usando a regra 3:1 (3 minutos na estufa convectiva : 1 minuto na estufa de pré-gelatinização), temos 3 opções a seguir.

EnglishFrenchPortugueseSpanish